Contact

    If you prefer, contact us directly at: contato@conexoesamazonicas.org

    Our social networks!

    Conexões Amazônicas
    Conexões Amazônicas
    [Blog Conexões Amazônicas]
    Imagine se fosse possível ter uma bacia hidrográfica em um laboratório para estudar o ciclo da água! Embora não seja possível reproduzir uma bacia em escala real, no texto desta semana a pesquisadora Aline Meyer nos conta como ela reproduziu a hidrologia da bacia do rio Purus através de imagens de satélites e simulações matemáticas em computadores.

    Confira o texto dessa semana no site Conexões Amazônicas:
    https://www.ufrgs.br/conexoesamazonicas/bacia-do-rio-purus-vista-do-espaco-e-modelada-na-terra/

    Todas as quintas-feiras, um texto novo sobre pesquisas na Amazônia.
    #ciênciaacessível #divulgaçãocientífica #popularizaçãodaciência #democratizaçãodaciência #conexõesamazônicas #riopurus #hidrologia #sensoriamentoremoto #ciclohidrológico #hydrology #waterresources
    Conexões Amazônicas
    Conexões Amazônicas
    Seminário PPG Ecologia UFRGS - 12/05 às 10h
    Pós-graduanda Deborah Camila Dávila Raffo

    Hydroelectric effects on the distribution of giant otter in the eastern Brazilian Amazon

    https://mconf.ufrgs.br/webconf/seminarios-ppg-ecologia

    O boom das barragens está transformando a Amazônia Brasileira. Apesar dos benefícios que as barragens podem proporcionar, elas são um dos principais motores da alteração e degradação do habitat na interface dos ecossistemas aquáticos e terrestres, causando efeitos em organismos aquáticos, incluindo mamíferos aquáticos e outras espécies de água doce, como a Ariranha, uma espécie que vem sofrendo um declínio de sua população e encontra-se classificada como em perigo pela IUCN. Em nosso estudo avaliamos a influência de uma nova barragem hidrelétrica na distribuição espacial de ariranhas ao redor de duas reservas de uso sustentável, analisando os dados coletados antes e depois da construção da barragem.
    Conexões Amazônicas
    Conexões Amazônicas
    [Blog Conexões Amazônicas]

    A herpetofauna (répteis e anfíbios) da região amazônica é considerada uma das mais ricas do mundo. Na Amazônia brasileira, 189 espécies de serpentes são conhecidas. Mas já parou para pensar em quantas espécies de serpentes ainda nem conhecemos na Amazônia? E que podem ser extintas antes mesmo de serem descritas? Essa foi a grande motivação da bióloga Luciana Frazão ao adentrar áreas remotas na Amazônia em busca de serpentes.

    Confira no Blog desta semana:
    https://www.ufrgs.br/conexoesamazonicas/a-busca-por-serpentes-em-areas-remotas-da-amazonia/

    Todas as quintas-feiras, um texto novo sobre pesquisas na Amazônia.
    #ciênciaacessível #divulgaçãocientífica #popularizaçãodaciência #democratizaçãodaciência #herpetofauna #serpentes #snackes #amazonsnake #conexõesamazônicas
    en_USEnglish